Personalidades que viveram em Londres – Sigmund FREUD

sigmund-freud 1

Assim que chegou a Londres, em 1938, após ter escapado da Áustria nazista, o famoso psicanalista morou de aluguel, por pouco tempo, nesta casa, 39 Elsworthy Road, no noroeste de Londres.

_MG_9981Mas logo comprou a residência que seria também seu consultório, não muito longe dali, no número 20 da Maresfield Gardens .

_MG_0015

_MG_0006Freud viveu aqui, com sua família, seu útlimo ano de vida. Após sua morte a filha, Anna, também psicanalista, continuou morando até falecer, em 1982. Seu último desejo era que a casa fosse transformada em um museu, que foi aberto em 1986.

PhotoGrid_1463843558291
As placas azuis nas casas em Londres significam que alguém importante viveu ali.

_MG_0013

A peça mais importante do museu é o divã onde os analisandos se deitavam e diziam a primeira coisa que lhes viesse a mente – o famoso “método de associação livre”, inventado por Freud para substituir o hipnotismo no tratamento das neuroses!

0,,4619123_4,00
Foto tirada da Internet (sem crédito)
Freud by Max Halberstadt, 1921
Freud by Max Halberstadt, 1921

Freud sofria de um cancêr na boca e, em meados de setembro de 1939, as dores muito fortes fizeram com que ele convencesse seu médico e amigo, Max Schur,  a lhe dar uma dose excessiva de morfina, lembrando uma promessa que este havia feito mais de 10 anos antes, quando a doença foi descoberta, de que não o deixaria sofrer desnecessariamente!

PhotoGrid_1463074511096[1]-01Suas cinzas, de sua esposa Martha e de seus filhos Anna, Ernst e Oliver, além de outros membros da família, estão no Golders Green Crematorium and Mausoleum, o primeiro crematório da Grã-Bretanha, inaugurado em 1902

PhotoGrid_1463068432300-01

A urna é um artefato da Grécia antiga e foi presente da amiga e também psicanalista Princesa Marie Bonaparte. As cinzas de sua esposa, Martha, foram colocadas na mesma urna quando ela faleceu, em 1951.

IMG_9874-01
Em 2014 tentaram roubar a urna pela janela, mas ela pesou e se espatifou no chão. Foi restaurada e hoje fica protegida por essa redoma de vidro.

Ainda há controvérsias sobre a eutanásia pois Schur não estava presente quando a última e fatal dose foi ministrada. Mas o legado do “pai da psicanálise”  jamais poderá ser negado!

_MG_0024
Freud Memorial (Oscar Nemon – 1971) – em fente a uma clinica para doentes mentais, em Belsize Park, perto de onde ele morou.

Para ver outros posts sobre personalidades que viveram em Londres clique neste link!

Quem você gostaria de ver por aqui?

Deixe um comentário e ajude a manter o blog vivo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s