Passeando por Londres – bairros de Londres – Hampstead

Hampstead é um bairro super lindo que fica no noroeste de Londres e é um passeio bem interessante pra quem quer fugir do óbvio dos pontos turísticos da cidade.

hampstead-street

Um pouco de história

Hampstead era um vilarejo e o nome quer dizer “propriedade rural”.

No final do século 17, como vários outros nos arredores de Londres, começou  a ser habitado pela população mais rica que fugia da peste de 1665 e do grande incêndio em 1666. As pessoas queriam viver perto da cidade, mas longe do barulho e da sujeira.

No século 18, um certo Dr Gibbons disse ter descoberto que a água de uma fonte local tinha propriedades medicinais e curava doenças. O vilarejo se transformou num SPA e passou a ser chamado de Hampstead Wells. Nessa época, várias mansões começaram a ser construídas e a população cresceu rápidamente.

No século 19, Hampstead se tornou subúrbio de Londres .

burgh-house-museu-cadeira-prefeito
A cadeira do primeiro prefeito de Hampstead que foi usada de 1900 a 1965 (Burgh House and Museum)

O passeio

Não fiz um mapa pois o melhor é “se perder” pelas ruas e becos do bairro.

Comecei na estação de metrô de Hampstead (linha Northern).

hampstead-station

Você pode subir a rua em frente até a Fenton House.

Construída em 1693, tem esse nome porque aqui morou um comerciante chamado Phillip Fenton. Hoje pertence à National Trust, uma instituição que trabalha na conservação e proteção de espaços e lugares históricos.

fenton-house-hampstead

A casa é aberta ao público de quarta a domingo, das 11h às 17h (tem que pagar pra entrar) e aqui você encontra uma coleção de instrumentos musicais antigos, peças de porcelana chinesa e muitas pinturas.

fenton-house-hampstead-gate

No jardim tem um pomar de mais de 300 anos com cerca de 30 tipos diferentes de macieiras.

Em setembro acontece o “Apple Day” (dia da maçã) quando os visitantes podem provar algumas das raras e deliciosas maçãs.

fenton-house-hampstead-gate-close
Quando fui estava fechada , mas abre de março a outubro.

Tem outro caminho para chegar na Fenton House, passando pela Holly Mount Steps, uma escadaria que dá, adivinhem, na Holly Mount, uma espécie de colina de onde você tem uma vista bem interessante da cidade.

hampstead-holly-mount-steps

As casas no caminho e no topo são lindas e você pode matar a sede e dar uma descansada da subida (nem é tanto assim, mas vale a desculpa) no Pub The Holly Bush.

hampstead-vista-topo-holly-mount
Vista do topo da Holly Mount

hampstead-holly-mount-pub

hampstead-pub-the-holly-bush
Era muito cedo quando passei por lá e o Pub ainda estava fechado.

Se continuar subindo você vai dar no Hampstead Heath, um dos muitos parques de Londres, que tem uma das vistas mais incríveis da cidade.

Porém eu resolvi deixar o parque, que é imenso, para um outro dia e um outro post, em uma época menos fria e mais verde.

Voltando para a rua do metrô, você encontra várias lojas, cafés, restaurantes e becos super charmosos.

hampstead-shops

hampstead-padaria-louis
Essa padaria húngara está lá desde que nasci.

Entrei na Flask Walk, uma rua de pedestres onde você pode sentir que o ar de vilarejo do bairro ainda continua preservado.

hampstead-flask-walk
Flask Walk é um dos becos só de pederestes de Hampstead.
hampstead-flask-walk-flea-market
Lojinha de antiguidades, livros e quinquilharias.
hampstead-flask-walk-barber-shop
Barbearia
hampstead-flask-walk-flower-shop-1
Flores, muitas flores!
hampstead-flask-walk-restaurant
Um pequeno resturante francês – “a gaiola imaginária”
pub-the-flask-hampstead
É claro que tem um Pub também – The Flask
the-wells-and-camden-wash-houses-and-baths-1888
The Wells and Camden Wash Houses and Baths 1888 – as casas da era vitoriana não tinham banheiro e nem água encanada então os moradores de Hampstead vinham aqui para lavar as roupas, tomar banho e até abastecer de água pra beber. Virou prédio de apartamentos em 1985.
hampstead-people
Esse homem, estava trabalhando em uma casa, me perguntou se alguém importante tinha morado ali porque me viu tirando fotos. Eu disse que estava tirando foto da porta com o enfeite do Valentine’s Day (veja a foto seguinte) porque achei fofo. Então ele falou: “eu também sou fofo, tira uma foto minha!”

hampstead-house-valentines

Fui conhecer Burgh House and Hampstead Museum, uma casa construida em 1704, durante o reinado da rainha Anne, e que foi uma das primeiras mansões da área. Várias pessoas importantes moraram lá, inclusive o próprio Dr Gibbons, depois de ter enriquecido com a tal história da água milagrosa!

burgh-house-museu-hampstead

Hoje é um museu que conta a história do bairro e também tem uma pequena galeria de arte e um café.

burgh-house-museu-historia

burgh-house-museu-maquete
Adivinhe quantos palitos de fósforo foram usados pra fazer essa maquete: 25780
burgh-house-museu-jardim
Detalhe do jardim

O museu é grátis e fica aberto de quarta à sexta e aos domingos, de 12h às 17h. O café abre também aos sábados (10h às 17h e 9:30h às 17:30 nos fins de semana).

Aqui, assim como da Fenton House, se continuar subindo pelas ruas, você chega no parque, mas eu voltei para explorar mais a rua principal e seus becos lindinhos e comer o famoso crepe que, dizem, só não é mais gostoso que os de Paris porque você não está em Paris.

hampstead-comunity-market
O mercadinho comunitário se mistura às lojas e cafés chiques da rua principal de Hampstead.
hampstead-antique-market
Mercado de antiguidade na Perrin’s Court

casinha-rosa-hanpstead
Essa linda casinha na Perrin’s Court chama a atenção de quem passa por ali.
hampstead-arte
Arte de rua em Hampstead

“La Crêperie de Hampstead” é uma típica creperia francesa.

A creperia funciona num trailler, e ficou famosa desde que se estabeleceu permanetemente no local, em 1980. 

Filas se formam pra provar os deliciosos crepes – quartas e quintas, de 13h às 19h e de sexta a domingo, das 11:45h às 23:30h.

la-creperie-de-hampstead
Cheguei cedo e fui a primeira a ser atendida!
la-creperie-de-hampstead-close-crepe
Meu veredito: faltou recheio (me lembro que ficava toda lambuzada na primeira mordida), a massa estava meio chiclete e a moça meio ranzinza, faltou um sorriso e simpatia no atendimento. Infelizmente muitos lugares matêm a fama, mas não a qualidade!

Uma surpresa no caminho

As famosas cabines telefônicas de Londres estão desaparecendo e as que persistem, estão praticamente abandonadas, mal tratadas e usadas como “pipi room”!

cabines-hampstead-menina-curiosa
Essa menina francesa (entendi a língua) saiu reclamando para os pais do mal cheiro da cabine.

Mas existem empresas tentando manter as cabines, tranformado-as. Já vi caixas eletrônicos, tem uma que virou livraria, e essa, na Hampstead High Street, é um café!

cafe-na-cabine-kape-barako
O Umar, que é meio alemão e meio paquistanês, me contou que muitas cabines estão à venda, mas ele aluga a dele e fez o primeiro “café na cabine” de Londres.
cafe-na-cabine-kape-barako-detalhes
O Kape Baraco foi inaugurado há pouco mais de um ano e abre de terça à sexta, das 8h às 16h (18h no verão).

Seu passeio pode terminar por aqui, em algum outro café ou restaurante, depois de fazer umas comprinhas. 

Ou você pode visitar o museu do Freud, que fica a cerca de 10 minutos a pé da creperia.

museu-do-freud
20 Maresfield Gardens, London NW3 5SX  – quarta a domingo de 12h às 17h

Você pode ainda pegar um ônibus, ou caminhar cerca de meia hora, até Camden Town. Vai depender do seu tempo e disposição.

hampstead-bancos

Ou você pode simplesmente sentar num banco, refletir sobre esse bairro tão gostoso, que mistura uma paisagem pitoresca com prédios históricos e lojas modernas, e pensar que Londres é muito mais que o Big Ben!

big-ben-sunset
Ah, mas a gente ama o Big Ben!

Vem passear comigo em Londres!

Passeios guiados com guia brasileira e roteiros personalizados com apoio local de quem mora em Londres há mais de 20 anos!

Mande e-mail para info@londrespravoce.com ou clique em Contato para maiores informações e orçamento.

Reserve seu hotel através do Booking.com (você não paga mais caro reservando pelo link do blog e eu ganho uma comissão). 

E para saber onde comer, baixe GRÁTIS o guia 100 Restaurantes em Londres”

Curtiu? Deixe um comentário! Obrigada!

Anúncios

13 comentários Adicione o seu

  1. paulaugot disse:

    Tina, esse post não poderia ter chegado num momento mais perfeito : Eu estou saindo daqui a pouco para ir pra Hampstead, coincidência né? Eu adoro Hampstead, acho uma excelente opção para quem quer fugir um pouco da parte turistona de Londres!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Também adoro e fica pertinho de casa. Hoje estou indo passear com amigos que estão visitando, mas podemos marcar um café por lá qualquer dia. Se tiver alguma sugestão que não está no post, fique à vontade pra deixar aqui. Bjs

      Curtir

  2. FabioJr.Alves disse:

    Uau, este na verdade é um guia completíssimo sobre Hampstead, Fiquei realmente impressionado com a riqueza de detalhes, me deixou com muita vontade de conhecer este pedacinho da história de Londres, parabéns pelo lindo post.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Muito interessante este bairro! Não tive oportunidade de explorar Londres como desejava, mas foi bom ler este artigo para o meu regresso à capital inglesa.

    Curtido por 1 pessoa

  4. angiesantanna disse:

    quanto lugarzinho charmoso!! só fiquei meio cabrera com a Fenton House, parece assombrada de fora hauehae

    Curtido por 1 pessoa

    1. Tem algumas casas antigas que parecem assombradas, ainda mais com a paisagem de inverno! Vou voltar lá no verão e aí vc tira essa imprsssa! 😘

      Curtir

  5. Que post completo! Eu gosto muitas dessas dicas que fogem ao lugar comum, principalmente quando se trata de uma cidade tão mainstream como Londres. Achei Hampstead cheio de lugares bacanas, fiquei com muita vontade de conhecer! E é uma pena que as cabines telefônicas estejam abandonadas, eu adoro esse símbolo do país. 😦

    Curtido por 1 pessoa

    1. Que bom que gostou! Algumas cabines estão sendo preservadas, mas tem muitas que servem de banheiro público… uma pena!

      Curtir

  6. Eu não conheço Londres, mas já li tanto de Hampstead! Parece mesmo um bairro tão convidativo, tão acolhedor com suas casas antigas e histórias! Adorei muito aquela maquete de palitos, que trabalham einh?

    Curtido por 1 pessoa

    1. Incrível, né?! Já vi outras maquetes feitas com palitos, mas estou pra ver bairro mais charmoso que Hampstead! Quando vier a Londres, te levo lá!

      Curtir

  7. Que lugar charmoso, fiquei encantada pelas casinhas coloridas, que vontade de conhecer!!!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Todo mundo pensa que só tem casinha colorida em Notting Hill! Hampstead é um lugar encantador!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s