Exposição em Londres: Splendours of the Subcontinent (Os esplendores do subcontinente)

A Queen’s Gallery, a galeria de arte do palácio de Buckingham, apresenta duas exposições que se completam mostrando a beleza e a história das artes do sul asiático através de trabalhos, fotos e jóias que pertecem à Royal Collection, uma das maiores coleções de arte do mundo.

Splendours of the Subcontinent: Four Centuries of South Asian Paintings and Manuscripts

Essa exposição explora a relação da monarquia britânica com o sul asiático durante 4 séculos. São cerca de 150 trabalhos vindos da Índia, Paquistão e Bangladesh, a maioria em exibição pela primeira vez.

queens gallery splendorous curator 1
Fui convidada para a apresentação da exposição para a imprensa pelas curadoras. Aqui uma delas nos mostra os livros sobre Mughal, uma das maiores dinastias da Índia, todos escritos à mão e  ilustrados com pinturas requintadas.
725027-1511871348
Uma página de um livro Mughal  – pintura de La’l, caligafia por Mir ‘ Ali e Muhammad Husayn Caxemira – 1590 – 1600 (Royal Collection Trust / © Her Majesty Queen Elizabeth II 2018)
queens gallery splendorous curator 2
As pinturas e manuscritos foram adiquiridos de diversas maneiras, muitos como presentes diplomáticos, e representam a complexa relação entre a Grã-Bretanha e o continente sul asiático desde o século 17.
queens gallery splendorous govinda verse
O poema sânscrito Gita Govinda (canção do vaqueiro) por Jayadeva é um ciclo de 24 canções iustradas em versos nessas pinturas. Os personagens principais são o Deus Krishna, o oitavo avatar de Vishnu e sua amante, e o vaqueiro Radha. Suas recorrentes separações e reencontros são metáforas para a separação da alma e do divino e seu êxtase final na União. Um marajá (provavelmente o patrono) e membros da sua família aparecem em muitas das pinturas como humildes servos de Vishnu.
712078-1505382578
Royal Collection Trust / © Her Majesty Queen Elizabeth II 2018

queens gallery splendorous diário rainha vitoria

O diário da rainha Victoria na Escócia e Irlanda traduzido para o Hindi pelo marajá Bena’ras – 1875
queens gallery splendorous curator 3
Essa panorâmica é formada por 3 fotografias de 3 momentos distintos da visita do rei George V e da rainha Mary a Delhi Durbar em 1911 (fotógrafo Aubrey Kellaway).
747902-1523291273
Royal Collection Trust / © Her Majesty Queen Elizabeth II 2018
queens gallery splendorous diário rainha vitoria 2
Esse álbum de fotografias foi feito pela rainha Mary entre novembro de 1909 e dezembro de 1911 e contém, entre outros eventos, fotos da visita à Índia.

Splendours of the Subcontinent: A Prince’s Tour of India 1875-6

A segunda exposição mostra os presentes recebidos pelo Príncipe Albert Edward (futuro rei Edward VII) durante uma viagem  ao país no século 19.

queens gallery splendorous room

O tour precedeu a declaração formal da rainha Victoria, sua mãe, como imperatriz da India.

Embora mais da metade do continente indiano fosse governado pela Coroa britânica, boa parte era regido por “Maharajas”(marajás).  

A visita do príncipe visava estabelecer ligações pessoais e estreitar os laços entre a Grã Bretanha e o subcontinente.

queens gallery splendorous tinteiro
O tinteiro em forma de barco de um Maharaja é feito em ouro esmaltado e jóias encrustadas e tem 19 componentes incluindo remos, mastro, bandeira e âncora. A proa representa um pavão e a popa uma criatura mitológica. Presente do marajá de Benares.
queens gallery splendorous curator crown
Esta coroa foi presenteada ao Príncipe de Gales pelos Taluqdars de Oudh. Não eram nobres, mas desempenhavam um papel chave como contratantes na coleta do fisco.
queens gallery splendorous curator perfume
Um porta perfume em ouro e prata em forma de lótus – perfumes eram oferecidos nas cortes indianas para receber os visitantes.
614770-1466697268
Royal Collection Trust / © Her Majesty Queen Elizabeth II 2018

queens gallery splendorous curator armadura

Uma armadura presenteada por Bhavani Singh, marajá de Datia.

Tem também várias armas e jóias lindíssimas com detalhes impressionates.

487476-1412868697
Esta adaga foi um presente do marajá de Alwar. A lâmina tem um canal curvo, cheio de pérolas soltas que se movem com o movimento da adaga. O punhal foi feito por um ferreiro chamado Ibrahim e é um dos poucos exemplos de presentes do príncipe onde o criador é conhecido. (Royal Collection Trust / © Her Majesty Queen Elizabeth II 2018)

A exposição fica aberta até dia 14 de outubro de 2018.

Horário:

  • 21 Jul a 30 Set 2018 – 09:30 às 17:30 (última entrada às 16:15)
  • Resto do ano – 10:00 às 17:30 (última entrada às 16:15)

A galleria fica fechada:

  • 14 Maio a 7 Jun 2018
  • 15 Out a 8 Nov 2018
  • 25–26 Dez 2018

Endereço:

  • Buckingham Palace Road, London, SW1A 1AA

Estações de metrô mais próximas:

  • Victoria (linhas Victoria, Circle e District)
  • Green Park (linhas Piccadilly, Victoria e Jubilee)
  • St. James’s Park  (linhas Circle e District)
  • Hyde Park Corner (linha Piccadilly)

Mais informações e compra de ingressos no site:

https://tickets.royalcollection.org.uk/queens-gallery

queens gallery splendorous door

Vem passear comigo em Londres!

Passeios guiados privados e personalizados com apoio local de uma guia brasileira que mora em Londres há mais de 20 anos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.