A loja de chá mais antiga de Londres!

Todo mundo sabe que o chá é a bebida preferida dos ingleses!

giphy

Mas você sabia que ele foi apresentado à sociedade inglesa por uma princesa portuguesa?

Twinings Website
Twinings Website

Catarina de Bragança, esposa de Charles II, trouxe de Portugal, em 1662, um “arsenal” da sua bebida favorita, já famosa em terras lusitanas, mas pouco conhecida dos ingleses. Ela costumava servir aos seus amigos da aristocracia e logo o chá se tornou a bebida da moda!

Twinings é a marca de chá mais antiga do mundo.

IMG_8694-01

Twinings Website
O logo, criado em 1787, é o mesmo até os dias de hoje – Twinings Website

“Num tempo em que o café reinava, um homem, Thomas Twining, remou contra a maré para mostrar seu amor pelo chá! Essa paixão transformou a bebida, pouco conhecida, na favorita de uma Nação! Para os ingleses, é mais que uma infusão; faz parte do dia a dia de gerações de amantes de chá há mais de 300 anos!” 

thomas-twining-founder1

Em 1706, Thomas comprou uma cafeteria no Strand, na fronteira entre a City e Westminster. A área estava recém populada pela aristocracia, após o Grande Incêndio de 1666

Twinings Website
Twinings Website

Nessa época, as cafeterias eram bem populares. Homens de todas as classes se reuniam para por a conversa em dia. Mas era tipo “Clube do Bolinha”: mulher não entrava!

Com seu conhecimento sobre chás, Thomas Twining tinha uma carta na manga para assegurar sua clientela. E, apesar dos altos impostos para reprimir o consumo da nova bebida, o chá virou tendência no começo do século 18, principalmente entre a classe alta. E as pessoas começavam a comprar a erva para fazer em casa. Porém só os mais ricos podiam ter esse luxo já que, em 1706, 100g de Twinings Gunpowder Green Tea era vendido pelo equivalente a £160 libras hoje!

IMG_8681-01

A loja, no número 216 da Strand foi renovada, mas a porta é a mesma desde de 1706.

Ela está no Roteiro a pé “Piccadilly e Adjacências”

O reflexo é do
O reflexo é do Royal Courts of Justice que fica bem em frente.
Você pode comprar as caixas de chá ou fazer um
Você pode comprar as caixas de chá ou fazer um “pick & mix” de sachets.

Dentro, além dos vários tipos de chás, você encontra um pequeno museu com fotos, livros, caixas e bules antigos.

PhotoGrid_1446108020973

PhotoGrid_1446107534497

E a mais recente novidade é o Tea Bar para você provar os deliciosos chás.

IMG_8688-01

 IMG_8695-01

Em 1837,  a Rainha Victoria concedeu à Twinings o “Royal Warrant”, um selo de qualidade da monarquia Britânica. A loja fornece chá para a família real até hoje.

IMG_8687-01

O meu preferido é o Chai, aquele que era sempre mencionado na novela Caminho das Índias. Bebo todos os dias pela manhã, com um pouco de leite – tem um gostinho de canjica. Já meu marido, como bom inglês, prefere o English Breakfast.

IMG_8810-01

Leia também o post sobre  o chá da tarde (ou chá das 5).

Vem passear comigo em Londres!

Mande e-mail para info@londrespravoce.com ou clique em Contato para maiores informações sobre passeios guiados com guia brasileira e roteiros personalizados com apoio local de quem mora em Londres há mais de 20 anos!

Reserve seu hotel através do Booking.com (você não paga mais caro reservando pelo link do blog e eu ganho uma comissão). 

E para saber onde comer, baixe GRÁTIS o guia “100 Restaurantes em Londres” 

Curtiu? Deixe um comentário! Obrigada!

IMG_8698-01

Anúncios

21 comentários Adicione o seu

  1. Mapa na Mão disse:

    Que post legal! Muita história, informações que eu não sabia. Apesar de eu não conseguir gostar de chá, hehehehe, amei vê-los em tudo que é lojinha em Londres. Parabéns!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Muito giro! Gostei muito do seu post. Achei muito interessante conhecer essa história e, acima de tudo, saber da existência desse lugar (que desconhecia por completo). Obrigada.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Oscar Risch - www.viajoteca.com disse:

    Interessante a história.. Eu pensava que o Chá teria chego à Inglaterra por conta de suas várias colônias na Ásia. Mas ao que tudo indica, segundo seu post, foram as colônias portuguesas que exportaram o produto para a Europa e a aristocracia portuguesa que popularizou a bebida junto a aristocracia inglesa.. Vou até tentar descobrir mais sobre essa história.
    Obrigado por compartilhar

    Curtido por 1 pessoa

    1. O chá vinha da Asia, mas chegou à Inglaterra bem depois de Portugal e quem intoduziu a bebida à aristocracia britânica foi a princesa portuguesa.

      Curtir

  4. rui batista disse:

    A Catarina a mudar o curso da história 🙂 Belo post, com boas curiosidades. Parabéns!

    Curtido por 1 pessoa

  5. Sabe que eu já passei dezenas de vezes no Strand e nunca reparei nessa lojinha? 😉 … Como é que foi possível?? 😉 … e eu que pensava que já conhecia bem a cidade … ehehe… na verdade mesmo que se vá a Londres vezes sem conta há sempre algo de novo a descobrir…Obrigada pelo post… tudo o que diz respeito a Londres me interessa… 🙂

    Curtido por 1 pessoa

    1. Moro aqui há 25 anos e estou sempre descobrindo coisas novas!

      Curtir

    2. A porta é bem pequena e “espremida” entre os prédios. Eu mesma passei umas 3 vezes na porta e não vi quando fui lá pra tirar as fotos para o post! Ainda mais que tinha uma obra e muitos aindaimes bem do lado!

      Curtir

  6. oi Tina… para uma apaixonada por chás e por história como eu esse texto é uma verdadeira preciosidade, cheio de novas (para mim, claro) e interessantes informações. É clichê, eu sei, mas eu o amei verdadeiramente! Um dia voltarei a Londres e passarei por aí, com toda a certeza! 🙂 bj

    Curtido por 1 pessoa

    1. Obrigada Ana Luiza, estando por aqui, entre em contato e podemos tomar um chá juntas!

      Curtir

  7. Erika disse:

    Estou com viagem marcada pra Londres e já reservei espaço na mala pra trazer chás! Meus planos eram comprar no supermercado, mas agora essa loja entrou definitivamente no roteiro! Obrigada!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Supermercado tem uma grande variedade, mesmo da marca Twinings e é bem mais barato. Porém na loja você pode fazer pick and mix e montar sua própria caixa com diversos tipos! Vale a pena! Se quiser fazer um passeio guiado pela cidade, entre em contato que terei o maior prazer em mostrar Londres pra você!

      Curtir

  8. Eu não era muito fã de chá, tô aprendendo a gostar aqui na Europa. A variedade é tanta, né? E agora quero conhecer essa loja e visitar o museu e até comprar um chazinho Ótimo post

    Curtido por 1 pessoa

    1. Venha sim, Renata! Obrigada!

      Curtir

  9. Leo Vidal disse:

    Uau! deve ser uma experiência incrível entrar em uma loja como essa. E claro, trazer algumas variedades de sabores para casa e tomar o autêntico chá inglês para lembrar da viagem.

    Curtido por 1 pessoa

  10. Fabia Fuzeti disse:

    Simplesmente amei esse post. Não sabia desse lugar, apesar de ter morado em Londres. E quanta informação legal e curiosidades. Eu sou a loca do chá, tomo vários por dia e nao fazia ideia que tinha sido levado para Inglaterra por uma Portuguesa! E que custava essa fortuna. OMG, ainda bem que agora we can afford it! 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  11. Katarina Holanda disse:

    Eu confesso que não sou muito fã de chá, mas os poucos que eu gostei foram Twinings, hahaha. Então com certeza amaria esse passeio, principalmente pela história. Muito legal!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s