Palácio de Kensington e a exposição de vestidos da Princesa Diana

O Palácio de Kensington é conhecido por ter sido a residência da Princesa Diana

kensington palace victoria statue

Hoje moram lá os Príncipes Harry e William, com sua esposa Kate e seus filhos George e Charlotte. Na verdade, William e Harry cresceram no palácio, pra onde seus pais se mudaram depois do casamento. Diana continuou morando lá, mesmo após o divórcio, até sua morte em agosto de 1997.

kensington palace diana fashion portrait

A exposição “Diana-Her Fashion Story” mostra a evolução do estilo da princesa, desde de suas primeiras aparições públicas, usando roupas recatadas e românticas, até o glamour, a elegância e a confiança que marcaram os últimos anos da sua vida curta e intensa.

Tudo o que Diana usava era analisado nos mínimos detalhes e ela soube explorar sua imagem para inspirar as pessoas e em prol das causas sociais que ela apoiava.

kensington palace diana fashion wide shot

kensington palace diana fashion versace
Versace

kensington palace diana fashion sketches
A exposição também mostra a relação da princesa com seus designers favoritos.
kensington palace diana fashion gina fratini rio de janeiro
Gina Fratini – Diana usou esse vestido em uma apresentação de ballet no Rio de Janeiro em 1991
kensington palace diana fashion flamenco
Murray Arbeid, ‘Flamenco’ dress e Victor Edelstein
kensington palace diana fashion Catherine Walker 'Elvis' Dress
Catherine Walker ‘Elvis’ Dress

A exposição fica aberta até 28 de fevereiro de 2018.

O Palácio de Kensington tem muitas histórias pra contar

kensington palace William III statue close
William III

William III e Mary II assumiram o trono conjuntamente em 1689. Na época, a residência oficial da monarquia era o Palácio de Whitehall. Mas ficava muito perto do rio Tâmisa e o fog era prejudicial à asma do rei.

Como Hampton Court era afastado do centro da cidade eles compraram a mansão em estilo jacobino, no vilarejo de Kensington, e o arquiteto Sir Christopher Wren, o mesmo da Catedral de St Paul e muitas outras construções do século 17, ampliou e a transformou em palácio real!

Continuou como residência oficial da monarquia até  meados do século 18, quando George III se mudou por não gostar do palácio.

kensington palace king staircasa
King’s Staricase – a escadaria que leva para o King’s Apartments.
kensington palace king gallery
King’s Gallery – a maior e mais comprida sala que continua igualzinha como no século 18.

kensington palace king gallery long

kensington palace cupola room
O rei George I gastou fortunas renovando as salas de estado e o Cupola Room, uma sala usada para ouvir música e dançar.
kensington palace cupola room ceiling
Detalhe do teto.
kensington palace queen bedroom
Quando Mary II e William III morreram, a irmã mais nova de Mary, Anne, assumiu o trono e renovou parte do palácio, que hoje é conhecida como Queen’s Apartments (apartamentos da rainha).

Vitória, a ascensão de uma rainha

kensington palace victoria statue close

Alexandrina Victoria nasceu no Palácio de Kensington em 24 de maio de 1819. Seu avô paterno era o rei Geroge III, mas seu pai era o quarto filho e não estava na linha sucessória. Além disso, ele morreu meses depois que ela nasceu.

A pequena Victoria foi criada pela mãe e um assessor, que muitos pensavam ser seu amante, num regime rigoroso. Como seus tios George IV e William IV não tiveram filhos legítimos, ela era a mais forte candidata ao trono.

E assim quando William IV morreu, Victoria, com apenas 18 anos, foi acordada pela mãe, às 6h da manhã do dia 20 de junho de 1837, como rainha! Ela então se mudou para o Palácio de Buckingham.

kensington palace victoria stairs
A exposição “Victoria Revealed” conta a história da rainha em suas próprias palavras escritas nas escadas, móveis e paredes das salas.

kensington palace victoria painting council

kensington palace victoria table council
A mesa onde o conselho se reuniu para confirmar a ascensão da rainha Victoria.

kensington palace victoria table detail

Uma história de amor

kensington palace victoria and albert portraitsFoi no Palácio de Kensington que a princesa Victoria viu pela primeira vez o príncipe alemão Albert de Saxe-Corburg Gotha, seu primo.  Apesar da união ter sido “arranjada” eles se apaixonaram, casaram e tiveram 9 filhos. Albert morreu aos 42 anos e a rainha nunca se recuperou da perda de seu amado. Ela vestiu luto por todos os dias da sua vida e ficou vários anos sem aparecer em público.

kensington palace victoria wedding customs
As roupas do casamento de Victoria e Albert.
kensington palace victoria stockings
Objetos pessoais contam a história de amor da rainha e seu príncipe encantado.
kensington palace victoria piano
Eles gostavam de tocar duetos no piano.
kensington palace victoria family tree
Todos os 9 filhos chegaram à idade adulta e o primogênito se tornou o rei Edward VII.
kensington palace victoria albert death room
Em uma das salas, a projeção conta a história de dor e sofrimento da rainha com a doença e morte de seu amado.
kensington palace victoria portrait old
A rainha Victoria eternamente de luto.

The Sunken Garden – o jardim rebaixado

kensington palace white garden sunken

O que eu mais gosto é do jardim. Ele fica abaixo do nível do terreno do palácio e este ano foi transformado no White Garden (jardim branco) para lembrar os 20 anos da morte de Diana.

A princesa adorava apreciar as mudanças das flores e conversar com os jardineiros. A cor branca foi escolhida por ser sua preferida e por inspirar a memória da vida e estilo daquela que era chamada de The People’s Princess – a princesa do povo.

kensington palace white garden flowers

O palácio fica aberto diáriamente, exceto de 24 a 26 de dezembro:

Verão (01 March – 31 October) – 10h às 18h (última entrada 17h)

Inverno (01 November – 28 February) – 10h às  16h (última entrada 15h)

Para chegar  de metrô use as estações de Queensway (linha Central), Notting Hill Gate (linhas Central, Circle e District) ou High Street Kensington (linhas Circle e District).

kensington palace white garden flower

Vem passear comigo em Londres!

Passeios guiados com guia brasileira e roteiros personalizados com apoio local de quem mora em Londres há mais de 20 anos!

Mande e-mail para info@londrespravoce.com ou clique em Contato para maiores informações e orçamento.

Reserve seu hotel através do Booking.com (você não paga mais caro reservando pelo link do blog e eu ganho uma comissão). 

E para saber onde comer, baixe GRÁTIS o guia “100 Restaurantes em Londres” 

Curtiu? Deixe um comentário! Obrigada!

Anúncios

14 comentários Adicione o seu

  1. Adorava conhecer este palácio de Kensington em Londres. Infelizmente a minha passagem por Londres foi muito rápida e não tive tempo de ver alguns locais imperdiveis como este! Fica para uma próxima, obrigado pelo link.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Tina, que demaaaaais essa experiência de visitar o palácio de Kensigton, hein? Ainda não conheço, vou inserir no meu roteiro pra dezembro! E as roupas da Lady Di, que emocionante!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Andrea disse:

    O Palácio é incrível por si só… mas e o que são essas roupas?! Coisa mais linda e em todos os detalhes. Adorei.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Juliana Moreti disse:

    Que lugar incrìvel! Nao sou fã de alta moda, mas aquele vestido Versace é mara!!!!! Assim com o Gina Fratini!!!!
    Preciso reservar muito mais que 1 semana para ver tudo o que eu gostaria de ver em Londres! ai ai
    😉

    Curtido por 1 pessoa

  5. contramapa disse:

    Que passeio interessante esse ao Palácio Kensington. Gostava de visitar essa exposição, não tanto pela moda, mais pela Princesa Diana. Acho que todos nos lembramos do dia da sua morte, foi um daqueles momentos marcantes da década de 90!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Eu lembro bem do dia da morte de Diana pois me acordaram às 2h da manhã pra ir trabalhar…

      Curtir

  6. Analuiza disse:

    oi Tina… o tipo de lugar que eu simplesmente AMO visitar, conhecer… Gosto de saber dessas trajetórias e de percorrer estes salões e corredores! Encantada!! 🙂

    Além disso, adoro moda que considero uma forma de arte! Assim, gostaria também de ver a exposição com as roupas de Lady Di. 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  7. Que ligar maravilhoso! Eu amo a história dessa mulher, um ícone que se perdeu de uma forma muito triste. Eu adoro saber a história dos grandes salões, ainda mais desse lugar que mais cleassico impossível. Um beijo e arrasou no texto e nas fotos!

    Robba

    http://viajantecolorido.com.br

    Curtido por 1 pessoa

  8. Alessandra disse:

    Deve ser incrível andar pelos cômodos deste castelo. Esta exposição dos vestidos de Diana é maravilhosa. Adorei o post, já quero muito conhecer.

    Curtido por 1 pessoa

  9. Gente, uma roupa mais linda que a outra! Que isso. O Palácio já é demais, com essa exposição então.. virou um programa obrigatório! Obrigada pela dica.

    Curtido por 1 pessoa

  10. Gisele Rocha disse:

    Só vestidos baphos da Lady Di. Tudo ficava bem nela, poucas têm essa sorte.
    Agora, fiquei boquiaberta com o vestido da rainha Victoria. Devia ser muito pesado!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Precisa ver um outro vestido de época que tinha lá que não coloquei no post! Bizarro!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s